Avatar do usuário
Por Viih10
Quantidade de postagens
#124271
A constituição federal de 1988, documento jurídico mais importante do país, preve em seu artigo 6º, o direito a moradia como inerente a todo cidadão brasileiro. Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase na prática quando se observa a ausência de moradias para pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade, dificultando, deste modo, a universalização desse direito social tão importante. Diante dessa perspectiva, faz-se imperiosa a análise dos fatores que favorecem esse quadro.

Em uma primeira análise, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais para combater essa problemática. Nesse sentido, a falta de eficiência do governo, em implementar mais investimentos voltado para a resolução do problema, faz com que muitos indivíduos não tenham acesso a moradia digna. Essa conjuntura, segundo as ideias do filósofo contratualista John Locke, configura-se como uma violação do "contrato social", já que o Estado não cumpre sua função de garantir que os cidadãos desfrutem de seus direitos.

Ademais, é fundamental apontar a negligência estatal como impulsionador da ausência de moradias no Brasil. De acordo com o filósofo italiano Noberto Bobbio, em sua obra " Dicionário de Política ", o estado deve cumprir o seu papel de mantenedor dos direitos sociais dos indivíduos. Diante de tal exposto, observa -se que o estado não cumpre com o seu dever de manter com que todos os indivíduos tenham acesso aos direitos básicos, logo é inadmissivel que esse cenário continue a perdurar.

Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, é imprescindível que o governo federal, por intermédio das prefeituras municipais, através de projetos e investimentos, busquem implementar programas sociais mais eficientes, com o propósito de construir residências, a fim de amenizar essa problemática e ajudar as pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
2 Respostas 
179 Exibições
por Thalya17
5 Respostas 
147 Exibições
por Thalya17
a falta de moradia e luta por habitação
por marqwes    - In: Outros temas
0 Respostas 
255 Exibições
por marqwes
Direito a moradia digna no Brasil.
por LaisVilela    - In: Outros temas
0 Respostas 
216 Exibições
por LaisVilela
1 Respostas 
307 Exibições
por lilica4soa
O acesso a moradia no Brasil
por beaborgesz    - In: Outros temas
0 Respostas 
81 Exibições
por beaborgesz
O problema de moradia no Brasil
por Ariane2    - In: Outros temas
0 Respostas 
52 Exibições
por Ariane2
COMO GARANTIR O DIREITO À MORADIA NO BRASIL
por Thete    - In: Outros temas
0 Respostas 
165 Exibições
por Thete
0 Respostas 
787 Exibições
por vinicius2008
Moradia as pessoas de baixa renda
por gleymyson    - In: Outros temas
1 Respostas 
99 Exibições
por gleymyson

@Triny206 @Amandx193 @Flicker2307 @Felipe082 Eaiii[…]

Bancos na era digital

na atualidade o setor bancário, tem passado[…]

Conforme o estatuto da pessoa com deficiênci[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM