• Avatar do usuário
#74425
Desde o século 18, com o advento da Revolução Industrial, a sociedade estava alcançando inúmeras conquistas para a esfera trabalhista. Contudo, hodiernamente, todo este esforço vêm se mostrando nulo à medida que a exploração trabalhista mostra-se cada vez mais presente no corpo social brasileiro. Dessa forma, em razão tanto do crescimento do trabalho infantil quanto da grande precarização do ambiente de trabalho, a população tupiniquim está sujeita a este imbróglio.

Primeiramente, vale ressaltar que o trabalho infantil, uma das piores formas de exploração do trabalho humano, mesmo que ignorado por muitos está assentado dentre os cidadãos canarinhos. No ensaio filosófico Mito da Caverna, o pensador grego Platão, simboliza a alienação da sociedade que, assim como os indivíduos que enxergavam as sombras projetadas de uma realidade como verdade, se encontra paralisada e absorta frente a problemas coletivos. Metáfora trágica da condição humana, esse quadro pode ser facilmente aplicado ao trabalho infantil, que se aprofunda em meio a conduta ignorante do corpo social. À vista disso, é essencial promovermos a conscientização dos brasileiros, demonstrando a forte necessidade de denunciar tais ações.

Ademais, cabe pontuar que a massa populacional brasileira vêm sofrendo cada vez mais com condições precárias em seu ambiente de trabalho. Consoante o filósofo contratualista John Locke configura-se como violação do ‘’ Contrato Social’’, circunstâncias em que o Estado não cumpre a sua função de garantir que os cidadãos gozem de seus direitos imprescindíveis como os direitos trabalhistas, que deveriam garantir o bem-estar de milhares de brasileiros. Desse modo, em virtude de carga horárias abusivas, desigualdades, assédios, dentre outros abusos contra os trabalhadores tupiniquins, a esfera trabalhista no Brasil encontra-se sucateada. Nesse sentido, urge ao Estado interferir em defesa do corpo social.

Diante do exposto, infere-se que medidas são necessárias para impedirmos a exploração trabalhista no país. Dessa maneira, é imperiosa uma ação do Governo Federal em parceria com as mídias sociais, por meio de anúncios, elucidar a população sobre a importância da denúncia do trabalho infantil e das condições precárias de trabalho. Somente assim, poder-se-á minimizar esses eventos, suprimindo a exploração trabalhista como foi iniciado na Revolução Industrial.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No filme Maze Runner é retratado um mundo p[…]

https://projetoredacaonota1000.com.br/tendencias-e[…]

Se vocês puderem corrigir minha redaç[…]

Padrão de beleza

Gi69 poderia corrigir por favor ? Obrigada Em[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM