Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#14057
Promulgada pela ONU em 1948, a Declaração dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito à saúde e ao bem-estar social. Conquanto, o vírus COVID-19 impossibilita que essa parcela da sociedade desfrute desse direito universal na prática. Nesse sentido, é necessário que subterfúgios sejam encontrados a fim de resolver essa inercial problemática.
A educação é o fator principal no desenvolvimento de um país. Hodiernamente, ocupando a quadragésima quinta posição na economia mundial, seria racional acreditar que o Brasil possui um ensino eficiente. Contudo, a realidade é justamente o oposto e o resultado desse contraste é claramente refletido na Pandemia. Segundo a pesquisa realizada pelo site Observatório, a população com características asiáticas sentem o impacto do Corona Vírus por meio de violências verbais e físicas dirigidas à eles apenas pela aparência oriental. Diante do exposto, é válido analisar o desconhecimento da sociedade acerca do vírus.
Faz-se mister, ainda, salientar o governo como impulsionador da grande transmissão viral. De acordo com Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, políticas e econômicas é a característica da "modernidade líquida" vivida no século XXI. Tais fatores são contribuintes para a grande situação viral do COVID-19 no Brasil.
Infere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem a construção de um mundo melhor. Dessa maneira, urge que o governo junto com empresas envolvidas com a saúde pública, realizem investimentos para conscientizar a sociedade por meio de palestras em ambientes escolares e a distribuição de itens para higiene pessoal com a finalidade de reduzir futuras contaminações. A partir dessas ações, espera-se promover a melhor empatia cidadã no combate ao Corona Vírus.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 110

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 130

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#40196
Contextualização
Apresentação do tema
Tese
Termos coesivos
Tópico frasal
Dados e argumentação
Arrematação do tema
Termos da proposta de intervenção
Frase de efeito
Repetições




Promulgada pela ONU em 1948, a Declaração dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito à saúde e ao bem-estar social. Conquanto, o vírus COVID-19 impossibilita que essa parcela da sociedade desfrute desse direito universal na prática. Nesse sentido, é necessário que subterfúgios sejam encontrados a fim de resolver essa inercial problemática. ( Contextualização boa, porém não apresentou o tema e a tese de forma apropriada. Sua tese está genêrica! Exclareça melhor o que tem a defender!)



( Cadê o termo coesivo?) A educação é o fator principal no desenvolvimento de um país. Hodiernamente, ocupando a quadragésima quinta posição na economia mundial, seria racional acreditar que o Brasil possui um ensino eficiente. Contudo, a realidade é justamente o oposto e o resultado desse contraste é claramente refletido na Pandemia. Segundo a pesquisa realizada pelo site Observatório, a população com características asiáticas sentem o impacto do Corona Vírus por meio de violências verbais e físicas dirigidas à eles apenas pela aparência oriental. Diante do exposto, é válido analisar o desconhecimento da sociedade acerca do vírus. ( Sua contextualização estava boa, porém o tópico ao qual marquei de amarelo está sem nexo. Não fez seNtido essa parte.)

Faz-se mister, ainda, salientar o governo como impulsionador da grande transmissão viral. De acordo com Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, políticas e econômicas é a característica da "modernidade líquida" vivida no século XXI. Tais fatores são contribuintes para a grande situação viral do COVID-19 no Brasil. ( Abordagem limitada do tema. Explore melhor suas ideias!)

Infere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem a construção de um mundo melhor. Dessa maneira, urge que o governo junto com empresas envolvidas com a saúde pública( Agente), realizem investimentos ( Ação)para conscientizar a sociedade por meio de palestras em ambientes escolares e a distribuição de itens para higiene pessoal ( Meio)com a finalidade de reduzir futuras contaminações( Finalidade). A partir dessas ações, espera-se promover a melhor empatia cidadã no combate ao Corona Vírus. (Boa conclusão, só faltou o detalhamento da ação!)

Sua redação não é ruim! Só precisa melhorar os aspectos apontados.
Qualquer coisa é só chamar. Sou @GlendaMorais .

Geralcinoj GlendaMorais

Millyal , Bom dia! Como já corrigiram, ent[…]

O Brasil figura entre os países que apresen[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM