• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#73813
A DEPRESSÃO NO BRASIL CONTEMPORÂNEO

Na série "13 reasons why" pertencente ao catálogo da Netflix, é retratada a história de Hanna Baker, ao decorrer da narrativa é revelado que a garota, após o compartilhamento de uma foto íntima, é diagnosticada com depressão e, sem amparo, comete suicídio. Para além da ficção, é fato que a realidade apresentada na obra pode ser relacionada a contemporaneidade, quando a depressão mostra-se em crescimento na sociedade, em especial, no Brasil. Assim, esse cenário ocorre em razão da negligência governamental, mas também devido a omissão escolar. Logo, analisar as causas desse problema é medida imediata.

Em primeiro lugar, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais para combater a problemática, no que diz respeito à criação de mecanismos que combatam tais recorrências. Nesse sentido, é indubitável que a falta de iniciativa política pactua com a perpetuação do aumento de casos de depressão no território brasileiro. Essa conjuntura, segundo as ideias do filósofo John Locke, configura-se como uma violação do "contrato social", pois o Estado não cumpre sua obrigação de garantir acesso ao direito indispensável, que é a saúde, para os cidadãos. Desse modo, faz-se mister a reformulação dessa postura estatal urgentemente.

Ademais, é crucial apontar uma lacuna presente na educação como impulsionadora do problema no Brasil. A "Atitude Blasé" - termo proposto pelo sociólogo alemão George Simmel no livro "The Metropolis and Metal Life" - ocorre quando o indivíduo passa a agir com indiferença em meio às situações que deveriam dar atenção. Outrossim, a escola para muitos estudantes é vista como refúgio, pois eles podem se distanciar de seus problemas, mas também causadora do mesmos, quando permite e se omite diante de situações como o bullying e a violência no ambiente educacional, que são causadores da depressão. Portanto, é inadmissível que esse cenário continue a pendurar.

Depreende-se, tendo em vista a problemática debatida, a necessidade de combater esse imbróglio. Para isso, é imprescindível que o Ministério da Saúde, através de verbas provenientes do Governo Federal, crie o projeto "Viver Bem" que consistirá na implementação de psicólogos e terapeutas nas instituições de ensino público e privado para acompanhar de forma profissional os estudantes, a fim de mitigar o impacto maléfico causado pela depressão. Dessa maneira, atenuar-se-á a conjuntura contemporânea e evitará que se repita com os brasileiros, o que aconteceu com Hanna Baker.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#73843
Na série "13 reasons why" pertencente ao catálogo da Netflix, é retratada a história de Hanna Baker, ao decorrer da narrativa é revelado que a garota, após o compartilhamento de uma foto íntima, é diagnosticada com depressão e, sem amparo, comete suicídio. Para além da ficção, é fato que a realidade apresentada na obra pode ser relacionada a contemporaneidade, quando a depressão mostra-se em crescimento na sociedade, em especial, no Brasil. Assim, esse cenário ocorre em razão da negligência governamental, mas também devido a[1] omissão escolar. Logo, analisar as causas desse problema é medida imediata.

  • :arrow: [1] Erro de crase, o certo seria DEVIDO Á.

Em primeiro lugar, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais para combater a problemática, no que diz respeito à criação de mecanismos que combatam tais recorrências. Nesse sentido, é indubitável que a falta de iniciativa política pactua com a perpetuação do aumento de casos de depressão no território brasileiro. Essa conjuntura, segundo as ideias do filósofo John Locke, configura-se como uma violação do "contrato social", pois o Estado não cumpre sua obrigação de garantir acesso ao direito indispensável, que é[2] a saúde, para os cidadãos. Desse modo, faz-se mister[3] a reformulação dessa postura estatal urgentemente.

  • :arrow: [2] Sugestão: Aqui para alguns, poderia ser uma perífrase, assim mudar para SENDO 😊
    :arrow: [3] Estrangeirismo: Usa de palavra com vocábulo de outros países devem usar aspas ou mudar para algum sinônimo de teor do português


Ademais, é crucial apontar uma lacuna presente na educação como impulsionadora do problema no Brasil. A "Atitude Blasé" - termo proposto pelo sociólogo alemão George Simmel no livro "The Metropolis and Metal Life" - ocorre quando o indivíduo passa a agir com indiferença em meio às situações que deveriam dar atenção. Outrossim, a escola para muitos estudantes é vista como refúgio, pois eles podem se distanciar de seus problemas, mas também causadora do mesmos, quando permite e se omite diante de situações como o bullying e a violência no ambiente educacional, que são causadores[4] da depressão. Portanto, é inadmissível que esse cenário continue a pendurar.

  • :arrow: [4] Sugestão. Poderia ser simplificada para CAUSADORES 😊

Depreende-se, tendo em vista a problemática debatida, a necessidade de combater esse imbróglio. Para isso, é imprescindível que o Ministério da Saúde, através de verbas provenientes do Governo Federal, crie o projeto "Viver Bem" que consistirá na implementação de psicólogos e terapeutas nas instituições de ensino público e privado para acompanhar de forma profissional os estudantes, a fim de mitigar o impacto maléfico causado pela depressão. Dessa maneira, atenuar-se-á a conjuntura contemporânea e evitará que se repita com os brasileiros, o que aconteceu com Hanna Baker.

🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩🤩
#73885
OLÁ Gabyy! Tudo bem? Espero que seu dia esteja "maravilindo"!🌻😺👋🏻

— Vejo que me marcou, estou bem ocupada, deixo minha análise mais detalhada para próxima.

— não sou uma corretora profissional, então estou sujeita a erros.

╔═══════════════════╗
⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 👺【 ANÁLISE GERAL】💢
════════════════════

⠀⠀⠀⠀ᵃⁿᵃˡⁱˢᵉ "ᵃ ᵈᵉᵖʳᵉˢˢᵃᵒ ⁿᵒ ᵇʳᵃˢⁱˡ ᶜᵒⁿᵗᵉᵐᵖᵒʳᵃⁿᵉᵒ"

✅Pontos positivos:
Nossa essa série, (meu deus!) que legal você contextualizar dessa forma, ficou bem organizado e detalhado! Adorei!
introdução bem estruturada.

Você possui muitos pontos fortes em seu texto. 😺👏
ótimos repertórios, se tornaram bem produtivos graças a sua argumentação.
↳ fechamento dos parágrafos estão concluídos, e seus desenvolvimentos, também, possuem uma boa quantidade de conectivos.


Sua conclusão está completinha e bem criativa, gostei muito, vou tentar hein! Roubar suas ideais, porque sou do mal kkk brincadeira, mas ficou incrível!
- - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - -
ℂ𝕠𝕞𝕡𝕖𝕥𝕖𝕟𝕔𝕚𝕒 𝕦𝕞 ⌦

❌Agora vamos observar possíveis erros que passaram despercebidos: (peço que tenha mais atenção na digitação, visto que a maioria são erros bobinhos)
Vou usar o sinal de interrogação para complementar algo.

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣1️⃣Na sua introdução, sendo mais específica, na parte:

❌ 」『 ❝ Na série "̶1̶3̶ ̶r̶e̶a̶s̶o̶n̶s̶ ̶w̶h̶y̶"̶ ̶ ["13 Reasons Why"] ❓ pertencente ao catálogo da Netflix, é retratada a história de ̶ ̶H̶a̶n̶n̶a̶ [Hannah] [...] ❞』

↳ «01» Letra maiúscula para o nome da série.

↳ «02» Ademais, faltou vírgula no sinal de interrogação vermelho, para isolar a frase [" pertencente ao catálogo da Netflix "], desta forma:

❝ Na série "13 Reasons Why", pertencente ao catálogo da Netflix, é retratado a história de Hannah

«03» O nome da garota termina com "H", assim: "Hannah".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣2️⃣No sua introdução, sendo mais específica, na parte:

❌ 」『❝ [...] é fato que a realidade apresentada na obra pode ser relacionada ̶a̶ ̶ contemporaneidade, [...] ❞』

o "a" tem crase, pois devido a regrinha: (quem está relacionada...> está relacionada A algo/alguém) ➕ (A contemporaneidade)》[A+A= à] .

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣3️⃣ Introdução:

❌ 」 『 ❝ [...] quando a depressão mostra-se em crescimento na sociedade ["e"], em especial, no Brasil.❞

Faltou o "e", já que a parte ["em especial"] está isolada entre vírgulas, significa que você adicionou uma informação a mais num contexto que não deve interromper o sentido original da outra frase. Note isso tentado ler sem a informação adicionada: [" quando a depressão mostra-se em crescimento na sociedade, ̶ ̶e̶m̶ ̶e̶s̶p̶e̶c̶i̶a̶l̶ ̶ ̶, no Brasil."]

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣4️⃣ Introdução:

❌ 」『❝ [...]mas também devido ̶ ̶a̶ ̶ ̶ omissão escolar. [...]❞』

o "a" tem crase. Quando possui o sentido de "em razão de", por causa do "de", a palavra "devido" sempre será acompanhada da preposição "a", já a palavra "omissão" também possui tal regência e ainda é feminina. Sendo assim, juntando às preposições de cada um [A+A= à] se forma a crase.

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣5️⃣no D2.

❌ 」『❝[…] A "Atitude Blasé" - termo proposto pelo sociólogo alemão Georg̶̶ Simmel no livro "The Metropolis[...]❞』

O nome do sociólogo é "Georg", sem "e".
﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣6️⃣Ainda no D2.

❌ 」『❝[…] Simmel no livro "The Metropolis and ̶̶M̶e̶t̶a̶l̶ Life" -[...]❞』

Na verdade o "Metal" se escreve "Mental".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣7️⃣Ainda no D2.

❌ 」『❝[…] Portanto, é inadmissível que esse cenário continue a ̶ ̶p̶e̶n̶d̶u̶r̶a̶r̶ ̶. ❞』

Vamos lá, a palavra peNdurar, é a ação ou efeito de pendurar um objeto ou conjunto de objetos. Já a palavra peRdurar, que presumo ser a do seu contexto, é o mesmo que: preservar, permanecer, durar, conservar, continuar, ficar...

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣8️⃣Conclusão:

❌ 」『❝ Depreende-se, tendo ̶ ̶e̶m̶ ̶v̶i̶s̶t̶a̶ ̶a̶ ̶ problemática debatida, a necessidade de combater esse imbróglio. [...] ❞』

Usa-se «em vista DE» (e não «em vista a») e «COM vistas a» (ou «com vista a»), mas não se trata de locuções sinónimas. A primeira significa «tendo em conta que (acontece/se faz alguma coisa)», enquanto a segunda é equivalente a «tendo por finalidade (alguma coisa/fazer alguma coisa)».

🔎Para mais informações:
https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consu ... a-de/31497


﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
0️⃣9️⃣Conclusão:

❌ 」『❝ Dessa maneira, atenuar-se-á ̶a̶ conjuntura contemporânea e evitará que se [...] ❞』

Eu pesquisei um pouco sobre essa conjugação e acredito que não seja necessário dois "a".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
1️⃣0️⃣Conclusão:

❌ 」『❝ [...] crie o projeto "Viver Bem" [vírgula] que consistirá na implementação de psicólogos[...] ❞』

Faltou vírgula ali.

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
1️⃣1️⃣Segundo desenvolvimento:

❌ 」『❝ Outrossim, a escola para muitos estudantes é vista como refúgio, pois eles podem se distanciar de seus problemas, mas também causadora do ["dos"] mesmos, [...] ❞』

já que o "mesmos" está no plural, faça "dos".

- - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - -
ℂ𝕠𝕞𝕡𝕖𝕥𝕖𝕟𝕔𝕚𝕒 𝕥𝕣𝕖𝕤 ⌦

💡Dicas para melhorar a coerência e coesão do seu texto:
﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
(🛠) ➬Na introdução acredito que algumas modificações poderiam beneficiar seu texto :

" Assim, esse cenário ocorre em razão da negligência governamental, mas["e"] [vírgula] também[vírgula] devido a omissão escolar ".

Mude o conectivo de oposição por "e" e adicione as vírgulas para isolar o "também".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌

(🛠)➬ no primeiro desenvolvimento:

『"[...] [...] configura-se como uma violação do "contrato social", pois o Estado não cumpre ["com"] sua obrigação de garantir acesso ao direito indispensável, [...]"

se possível coloque o "com".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
(🛠)➬ Segundo desenvolvimento:

『"Outrossim, a escola para muitos estudantes é vista como refúgio, pois eles podem se distanciar de seus problemas, mas também ["é a"] causadora ̶d̶o̶ ̶m̶e̶s̶m̶o̶s̶,[...]"

Não use "dos mesmos", mini dica abaixo.

╔═══════════════════╗
⌕ » ᵈⁱᶜᵃ 𖡻 ᵘˢᵒ ᵈᵒ ᵐᵉˢᵐᵒ ᶜᵒᵐᵒ ˢᵘᵇˢᵗᵃⁿᵗⁱᵛᵒ
 ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄
⁉️Eu posso usar "os mesmos" ?
 ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄ ̄
〖 ✎ 〗 o uso do termo “mesmo” para substituir pronome ou substantivo. Veja alguns exemplos:

❓Antes de usar o aparelho, verifique se o MESMO encontra-se em perfeitas condições para tal.

❓Todos os alunos chegaram. Perguntem aos MESMOS se estão preparados para começar a avaliação.

〖 ✎ 〗 Nos exemplos acima, em vez de empregar um pronome pessoal do caso reto, preferiu-se o uso de "mesmo", uma prática que não respeita os postulados gramaticais e que deve ser, portanto, evitada. Nesses casos, o correto seria:

✔》Antes de usar o aparelho, verifique se ele se encontra em perfeitas condições para tal.

✔》Todos os alunos chegaram. Pergunte a eles se estão preparados para começar a avaliação.

🔎informações retiradas do site:
https://mundoeducacao.uol.com.br/gramat ... istica.htm

╚═══════════════════╝


﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
(🛠) ➬ D2:

『" [...] pois o Estado não cumpre sua obrigação de garantir acesso ao direito indispensável, ̶q̶u̶e̶ ̶é̶ ̶ a saúde, para os cidadãos [...] "

sugiro trocar por algo mais curto, como: "sendo a saúde".

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
(🛠) ➬Conclusão:

『"Para isso, é imprescindível que o Ministério da Saúde, ̶a̶t̶r̶a̶v̶é̶s̶ ̶ de verbas provenientes do Governo Federal,[...]"

Aqui a dica está no site abaixo.

🔎por que o uso de "através" não é recomendado em certos contextos:
https://blog.imaginie.com.br/atraves/

﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌﹌
(🛠) ➬Conclusão:

『"ensino público e privado para acompanhar d̶e̶ ̶f̶o̶r̶m̶a̶ ̶p̶r̶o̶f̶i̶s̶s̶i̶o̶n̶a̶l̶ os estudantes[...]"

faça algo mais direto, "profissionalmente".
- - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - -
▪️⚫▪️CONCLUSÃO

Depreende-se, tendo em vista a problemática debatida, a necessidade de combater esse imbróglio. [TÓPICO FRASAL] Para isso, é imprescindível que o Ministério da Saúde, [AGENTE] através de verbas provenientes do Governo Federal,[MEIO] crie o projeto "Viver Bem"[AÇÃO] que consistirá na implementação de psicólogos e terapeutas nas instituições de ensino público e privado para acompanhar de forma profissional os estudantes,[DETALHAMENTO DA AÇÃO] a fim de mitigar o impacto maléfico causado pela depressão.[OBJETIVO] Dessa maneira, atenuar-se-á a conjuntura contemporânea e evitará que se repita com os brasileiros, o que aconteceu com Hanna Baker.[FINALIDADE]

[✔》✅✅✅✅✅》 completa]

Ótima conclusão, parabéns!

╔═══════════════════╗
°•📽》Vídeos recomendados🎞
╚═══════════════════╝







- - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - - - - - - - - -- - - -
════════════════════
⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 《 Atenção: Como disse já de início, isso é apenas uma pequena análise básica, para te auxiliar e fazer com que você não cometa os mesmos erros em suas próximas redações (por mais que eu seja apenas uma aluna com conhecimentos prévios que podem ser contrariados). Ademais, quero comentar que você tem muito potencial, então, no geral seu texto ficou incrível!
╚═══════════════════╝

No filme Maze Runner é retratado um mundo p[…]

https://projetoredacaonota1000.com.br/tendencias-e[…]

Se vocês puderem corrigir minha redaç[…]

Padrão de beleza

Gi69 poderia corrigir por favor ? Obrigada Em[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM