• Avatar do usuário
#80524
De início é evidente que a deficiente educação financeira no Brasil, poderia ser estabelecida se o sistema educacional brasileiro abordasse o assunto com maestria. Porem a discussão sobre finanças é por vezes transmitida de maneira erronia e superficial, uma vez que o currículo escolar organiza os saberes somente para que sejam utilizados na realização de vestibulares e não como vivência social e coletiva. Dessa forma, tais problemas anexados nas instituições de ensino, possuem o poder de alienar toda uma população, visando que a maioria não possui conhecimento sobre essa área impedindo-a de concretizar uma opinião fixa. Assim confirma-se o que disse o professor e filosofo brasileiro Paulo Freire "A educação, qualquer que seja ela, é sempre uma teoria do conhecimento posta em prática".
Em primeira análise, deve-se ressaltar a inadimplência das medidas governamentais para combater as deficiências educacionais, onde por vezes se encontra em instituições de ensino público em bairros esquecidos governamentalmente. Ademais é fundamental também apontar a escassez de profissionais devidamente qualificados para a introdução de um entendimento financeiro eficiente, como causador do contato quase inexistente dessa matéria com o público vigente.
Sob o mesmo ponto de vista, John Locke, filósofo contratualista, explana que tal ineficácia política é considerada uma quebra do "contrato social", uma vez que o Estado não cumpre com seu dever maior, que é garantir uma educação de qualidade para a população adolescente e infanto juvenil da população verde-amarela atrelando-os ao mal social que é o obscurantismo.
Depreende-se por tanto a necessidade de providências serem tomadas imediatamente, por isso é imprescindível que os poderes governamentais em apoio com o Ministerio da Educação(MEC), providencie ensino de finanças para professores de instituições públicas e privadas, através de aulas presenciais e semi presenciais nas próprias instituições de ensino na qual já exercem sua função, como meio de transmitir o novo conhecimento para os estudantes de todas as idades e de bairro pobres, podendo assim haver a restauração do contrato social dito por Locke como meio de amenizar a situação atual.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Redação ENEM 2021

Aqui está a minha análise da sua red[…]

Obrigado, se possível, corrija a minha do E[…]

@eurodrigo poderia dar uma olhada?

Correção flash • Modelo ENEM […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM