Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#43266
No livro “ 1984”, de George Crowell, a sociedade da época é retratada submetida a um forte poder político, no qual espionam todos e os forçaram a acreditarem em suas doutrinas,caso contrário, quem não se submeter era “ vaporizado”, apagado da existência. Análogo à realidade, na sociedade atual a cultura do cancelamento vem refletindo muito esse contexto de banir as pessoas, só que das redes sociais, com base em algum comentário ou atitude considerada errada. Com base nisso, é válido analisar os efeitos dessa ação virtual, no qual priva a liberdade de expressão da pessoa ou celebridade, além de provocar-lhe a exclusão virtual e social.

Em primazia, a privatização da liberdade de expressão se mostra um grande causador do problema em relação a cultura do cancelamento. Sendo assim, faz-se viés analisar a frase do livro “ 1984”, no qual diz: “ Liberdade é escravidão”. De acordo com a frase, analisa-se que a partir do momento que retira-se a direito de um cidadão de se expressar ela fica aprisionada na coletividade, sem assim, poder usufruir de seus devidos direitos constituídos nos Direitos Humanos. Ademais, a rede social é um local livre e de fácil acesso no qual qualquer indivíduo pode compartilhar de seus momentos e de suas opiniões, sendo um campo onde a diversidade se mostra constantemente presente, assim, necessário a atuação dessa autonomia de pensamento. Com isso, a cultura da suspensão fere esse princípio atingindo qualquer um e comprometendo sua imagem social. Portanto, entende-se o quanto esse feito infere nos princípios humanos.

Em continuidade, o cancelamento virtual pode levar à exclusão social e virtual de um utilizador. De acordo com a parábola de Nietzsche, em que um cordeiro diz a outros “essas aves de rapina são más; e quem for o menos possível ave de rapina, ou antes, o seu oposto, cordeiro – este não deveria ser bom?”. Com base nisso, a lógica do autor é justamente apontar que os cordeiros para se mostrarem bons e corretos tem que analisar os erros dos outros e condenar. Logo, refletindo isso com a questão da anulação virtual, entende que o que motiva as maioria dos usuários é a condenação e o apontamento dos erros e furos na rede, principalmente de artistas e celebridade. Como consequência, esse ato gera tanto a retirada virtual do navegante, visto que este tem que apagar seus perfis e se afastar o mundo cibernético, assim como a afastamento social, em razão da má fama que lhe é acometido na sociedade. A partir disso, entende-se o quanto essa costume interfere nas relações sociais e digitais dos sujeitos.

Assim, se faz necessário uma solução para o problema vigente.Em suma, cabe o Ministério das Comunicações promover uma campanha, por meio das mídias sociais e digitais, sobre as consequências negativas da cultura do cancelamento no âmbito tecnológico, com palestras, cursos, e com a presença de convidados e célebres vítimas dessa ação social, no qual contem suas histórias e seus pontos de vista sobre o assunto, com a finalidade de conscientizar a população em razão do referido. Por meio disso, se concretizar um mundo mais consciente e humanizado, diferentemente do mundo controlador e condenatório do livro “1984”.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 148

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 168

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 164

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 192

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#43271
Olá @GlendaMorais , estou longe de ser corretor de redação mas com meus conhecimentos até aqui aprendidos venho fazer alguns comentários sobre o seu texto
No livro “ 1984”, de George Crowell, a sociedade da época[1} é retratada submetida[2] a um forte poder político, no qual espionam[4] todos e os forçaram[3] a acreditarem em suas doutrinas,caso contrário, quem não se submeter era “ vaporizado”, apagado da existência. Análogo à realidade, na sociedade atual a cultura do cancelamento vem refletindo muito esse contexto de banir as pessoas, [5]só que das redes sociais, com base em algum comentário ou atitude considerada errada. Com base nisso, é válido analisar os efeitos dessa ação virtual, no qual priva a liberdade de expressão da pessoa ou celebridade, além de provocar-lhe a exclusão virtual e social.
[1]esse termo ficou um pouco ambíguo, a sociedade de 1984? ou a sociedade retratada no livro?
[2] termo sem conexão do texto e quebra da fluidez da frase
[3] essa relação ficou um pouco confusa você usou o passado e presente na mesma frase
[4] erro de concordância, esta ligado ao forte poder politico certo?
[5] termo coloquial sugiro trocar por conjunções adversativas
:!: Introdução muito boa! Contém todos os requisitos exigidos

Em primazia, a privatização da liberdade de expressão se mostra um grande causador do problema em relação a cultura do cancelamento[6]. Sendo assim, faz-se viés analisar a frase do livro “ 1984”[7], no qual diz: “ Liberdade é escravidão”. De acordo com a frase, analisa-se que a partir do momento que retira-se a direito de um cidadão de se expressar ela fica aprisionada na coletividade, sem assim, poder usufruir de seus devidos direitos constituídos nos Direitos Humanos[8]. Ademais, a rede social é um local livre e de fácil acesso no qual qualquer indivíduo pode compartilhar de seus momentos e de suas opiniões, sendo um campo onde a diversidade se mostra constantemente presente, assim,[9] necessário a atuação dessa autonomia de pensamento. Com isso, a cultura da suspensão fere esse princípio atingindo qualquer um e comprometendo sua imagem social. Portanto, entende-se o quanto esse feito infere nos princípios humanos.
[6] e sobre as celebridades presentes na sua introdução?
[7] não recomendo usar o mesmo repertório mais de uma vez no texto, isso mostra uma carência de outros meios possíveis para usar na redação e consequentemente uma nota menor na C3
[8] não entendi, não é a liberdade que gera a escravidão? então por que você diz que sua privação é a causa do aprisionamento?
[9]penso que faltou um termo conectivo entre essas frases (torna-se)
:!: Bom parágrafo de desenvolvimento mas com a escolha repetida de repertório aliada com aquela frase acabou o deixando um pouco confuso

Em continuidade, o cancelamento virtual pode levar à exclusão social e virtual de um utilizador. De acordo com a parábola de[10] Nietzsche, em que um cordeiro diz a outros “essas aves de rapina são más; e quem for o menos possível ave de rapina, ou antes, o seu oposto, cordeiro – este não deveria ser bom?[11]”. Com base nisso, a lógica do autor é justamente apontar que os cordeiros para se mostrarem bons e corretos tem que analisar os erros dos outros e condenar. Logo, refletindo isso com a questão da anulação virtual, entende que o que motiva as maioria dos usuários é a condenação e o apontamento dos erros e furos na rede, principalmente de artistas e celebridade. Como consequência, esse ato gera tanto a retirada virtual do navegante, visto que este tem que apagar seus perfis e se afastar o mundo cibernético, assim como a afastamento social, em razão da má fama que lhe é acometido na sociedade. A partir disso, entende-se o quanto essa costume interfere nas relações sociais e digitais dos sujeitos.
[10] quem é esse tal de Nietzsche? não é necessário mas seria interessante colocar
[11] não entendi essa frase e também não é recomendável usar perguntas em redações do ENEM
:!: Bom parágrafo com uma argumentação consistente

Assim[12], se faz necessário uma solução para o problema vigente.Em suma, cabe o Ministério das Comunicações[Agente] promover uma campanha[Ação), por meio das mídias sociais e digitais(Meio), sobre as consequências negativas da cultura do cancelamento no âmbito tecnológico, com palestras, cursos, e com a presença de convidados e célebres vítimas dessa ação social, no qual contem suas histórias e seus pontos de vista sobre o assunto(detalhamento), com a finalidade de conscientizar a população em razão do referido(finalidade). Por meio disso, se concretizar um mundo mais consciente e humanizado, diferentemente do mundo controlador e condenatório do livro “1984”.
[12] não sei se o conectivo que você usou é o mais adequado frente a gama de conectivos conclusivos existentes(portanto, depreende-se, logo, é mister, por fim...)
:!: Conclusão completinha então, 200 na C5

:!: Gostei da sua redação mas tem partes que carecem de pontos e construções sintáticas relevantes para o melhor entendimento do texto. No mais é isso
#43275
wagner123 escreveu:Olá @GlendaMorais , estou longe de ser corretor de redação mas com meus conhecimentos até aqui aprendidos venho fazer alguns comentários sobre o seu texto
No livro “ 1984”, de George Crowell, a sociedade da época[1} é retratada submetida[2] a um forte poder político, no qual espionam[4] todos e os forçaram[3] a acreditarem em suas doutrinas,caso contrário, quem não se submeter era “ vaporizado”, apagado da existência. Análogo à realidade, na sociedade atual a cultura do cancelamento vem refletindo muito esse contexto de banir as pessoas, [5]só que das redes sociais, com base em algum comentário ou atitude considerada errada. Com base nisso, é válido analisar os efeitos dessa ação virtual, no qual priva a liberdade de expressão da pessoa ou celebridade, além de provocar-lhe a exclusão virtual e social.
[1]esse termo ficou um pouco ambíguo, a sociedade de 1984? ou a sociedade retratada no livro?
[2] termo sem conexão do texto e quebra da fluidez da frase
[3] essa relação ficou um pouco confusa você usou o passado e presente na mesma frase
[4] erro de concordância, esta ligado ao forte poder politico certo?
[5] termo coloquial sugiro trocar por conjunções adversativas
:!: Introdução muito boa! Contém todos os requisitos exigidos

Em primazia, a privatização da liberdade de expressão se mostra um grande causador do problema em relação a cultura do cancelamento[6]. Sendo assim, faz-se viés analisar a frase do livro “ 1984”[7], no qual diz: “ Liberdade é escravidão”. De acordo com a frase, analisa-se que a partir do momento que retira-se a direito de um cidadão de se expressar ela fica aprisionada na coletividade, sem assim, poder usufruir de seus devidos direitos constituídos nos Direitos Humanos[8]. Ademais, a rede social é um local livre e de fácil acesso no qual qualquer indivíduo pode compartilhar de seus momentos e de suas opiniões, sendo um campo onde a diversidade se mostra constantemente presente, assim,[9] necessário a atuação dessa autonomia de pensamento. Com isso, a cultura da suspensão fere esse princípio atingindo qualquer um e comprometendo sua imagem social. Portanto, entende-se o quanto esse feito infere nos princípios humanos.
[6] e sobre as celebridades presentes na sua introdução?
[7] não recomendo usar o mesmo repertório mais de uma vez no texto, isso mostra uma carência de outros meios possíveis para usar na redação e consequentemente uma nota menor na C3
[8] não entendi, não é a liberdade que gera a escravidão? então por que você diz que sua privação é a causa do aprisionamento?
[9]penso que faltou um termo conectivo entre essas frases (torna-se)
:!: Bom parágrafo de desenvolvimento mas com a escolha repetida de repertório aliada com aquela frase acabou o deixando um pouco confuso

Em continuidade, o cancelamento virtual pode levar à exclusão social e virtual de um utilizador. De acordo com a parábola de[10] Nietzsche, em que um cordeiro diz a outros “essas aves de rapina são más; e quem for o menos possível ave de rapina, ou antes, o seu oposto, cordeiro – este não deveria ser bom?[11]”. Com base nisso, a lógica do autor é justamente apontar que os cordeiros para se mostrarem bons e corretos tem que analisar os erros dos outros e condenar. Logo, refletindo isso com a questão da anulação virtual, entende que o que motiva as maioria dos usuários é a condenação e o apontamento dos erros e furos na rede, principalmente de artistas e celebridade. Como consequência, esse ato gera tanto a retirada virtual do navegante, visto que este tem que apagar seus perfis e se afastar o mundo cibernético, assim como a afastamento social, em razão da má fama que lhe é acometido na sociedade. A partir disso, entende-se o quanto essa costume interfere nas relações sociais e digitais dos sujeitos.
[10] quem é esse tal de Nietzsche? não é necessário mas seria interessante colocar
[11] não entendi essa frase e também não é recomendável usar perguntas em redações do ENEM
:!: Bom parágrafo com uma argumentação consistente

Assim[12], se faz necessário uma solução para o problema vigente.Em suma, cabe o Ministério das Comunicações[Agente] promover uma campanha[Ação), por meio das mídias sociais e digitais(Meio), sobre as consequências negativas da cultura do cancelamento no âmbito tecnológico, com palestras, cursos, e com a presença de convidados e célebres vítimas dessa ação social, no qual contem suas histórias e seus pontos de vista sobre o assunto(detalhamento), com a finalidade de conscientizar a população em razão do referido(finalidade). Por meio disso, se concretizar um mundo mais consciente e humanizado, diferentemente do mundo controlador e condenatório do livro “1984”.
[12] não sei se o conectivo que você usou é o mais adequado frente a gama de conectivos conclusivos existentes(portanto, depreende-se, logo, é mister, por fim...)
:!: Conclusão completinha então, 200 na C5

:!: Gostei da sua redação mas tem partes que carecem de pontos e construções sintáticas relevantes para o melhor entendimento do texto. No mais é isso
Olá!
1. A sociedade retratada no livro naquela época.
2. Não entendi!
3. O certo era " espionavam" , erro de digitação!
4. Sim.
5. ok.
6. A privatização de liberdade se refere a todos os usuários, celebridade ou não,que sofrem com a cultura do cancelamento!
7. O que eu usei não foi o livo em si, e sim a frsae, estou analisando a frase do livro, logo não acredito que seja o mesmo repertório tecnicamente e se for, nunca li nada sobre isso no qual diz que vire uma penalidade!
8. A análise que eu fiz é que ocorre uma privatização da liberdade de expressão. No que diz repeito a frase, escravisar me remete a mesma cousa que privar uma pessoa seja de se expressar ou qualquer outra coisa.
9.Concordo!
10.Concordo!
11. Também não li nada sobre não poder utilizar perguntas na redação. Mais uma vez, é a análise de uma frase, a pergunta veio como composição. A única coisa que eu sei sobre perguntas em redação é que quando você fizer uma você tem que respondê-la em totalidade no parágrafo, mas não é proibido.
12.(Assim) também é um conectivo conclusivo!

12. Conclusão ou resumo
Muito comum serem utilizados na conclusão de um parágrafo ou mesmo de uma redação para resumir as ideias que foram apontadas no texto.

Em suma; em síntese; enfim; em resumo; portanto; assim; dessa forma; dessa maneira; desse modo; logo; pois; assim sendo; nesse sentido.
Referência: https://www.todamateria.com.br/conectiv ... %20sentido.


Diante de tudo , obrigada pelos apontamentos.
#43279
ahhh não sabia desse fato sobre as perguntas , vou alterar a nota na C3 e sobre o [7] acaba gerando um desconto de nota sim pois apesar de usar uma frase que remete ao livro o repertório em si foi retirado do próprio livro então, mantenho minha nota nesse quesito
Nadaaaaaaaa, não sou corretor profissional, longe disso, mas estas foram as coisas que eu mudaria nessa redação show.
#43280
como você também estou aprendendo muito por aqui e por isso, você poderia dar uma olhadinha na minha última redação :D :D ? Ajudaria muito,principalmente com suas correções fantásticas para outros estudantes da plataforma que já vi
#43291
☆Parabéns Pela Primeiro Parágrafo De Desenvolvimento Melhor Parágrafo De Sua Respectiva Redação Ok!!!😎👍🎉🎉🎉

☆Seu Desenvolvimento Obteve Teses,Analogias,Argumentos adicionalmente Citações Coerentes!!!

☆Não Teve Clichês!!!

☆Não Fugiu Do Tema Central!!!

☆Linguagem Culta!!!

☆Sua Redação Teve Todos Elementos Necessários Para Levar Essa Inércia De Acordo Com Newton!!!Êxito Nesta Súbita Missão!!!

☆Foi Um Excelente Introdução Detalhada ,Sútil Ademais Objetiva,Ok!!!


Crítica Construtiva:

♤Estude Conectivos Ou Advérbios De Afirmação,Adição,alternativa Adicionalmente Comparação !!!

♡Estude Conjunções Que Possa Substituir Também A Palavra Que!!!Exemplo:Cujo,Cuja,o qual,aquilo!!!


*Conclusão:Contem(Correto)Contêm No Plural!!!

☆Atenção,Candidato(a)Aprenda A Aprimorar Seus Conectivos,Certo!!!Para Dar Um Plus!!🦸🏻‍♂️E Suas Teses Que São Ótimas Por Sinal!!!Aprimore Suas Teses E Chegue Ao Topo!!!


Parabéns Pela Respectiva Redação Ok,Sinceramente Tu Tem Potencial!!!😋👍🎉🎉🎉


E Bons Estudos!😎✊🏆🥇🎖

Presentinho:https://drive.google.com/drive/mobile/f ... Tj2ggvAEmc
#43315
@GlendaMorais

Erros
Correção dos erros
Comentários
Os 5 elementos
Outras observações

Introdução
No livro “ 1984”, de George Crowell, a sociedade da época é retratada submetida a um forte poder político, no qual espionam todos e os forçaram a acreditarem em suas doutrinas,caso contrário, quem não se submeter era “ vaporizado”, apagado da existência. Análogo à realidade, na sociedade atual a cultura do cancelamento vem refletindo muito esse contexto de banir as pessoas, só que porém das redes sociais, com base em algum comentário ou atitude considerada errada. Com base nisso, é válido analisar os efeitos dessa ação virtual, no qual priva a liberdade de expressão da pessoa ou celebridade, além de provocar-lhe a exclusão virtual e social.
:arrow: Sua introdução está boa, mas uma observação: no trecho que grifei, se você disse "no qual espionam todos", é esperado que você use o próximo verbo como "forçam" e não "forçaram". De resto, tudo ok!

Desenvolvimento 1
Em primazia, a privatização da liberdade de expressão se mostra um grande causador do problema em relação a cultura do cancelamento. Sendo assim, faz-se viés analisar a frase do livro “ 1984”, no qual diz: “ Liberdade é escravidão”. De acordo com a frase, analisa-se que a partir do momento que retira-se a o direito de um cidadão de se expressar ela fica aprisionada na coletividade, sem assim, poder usufruir de seus devidos direitos constituídos nos Direitos Humanos. Ademais, a rede social é um local livre e de fácil acesso no qual qualquer indivíduo pode compartilhar de seus momentos e de suas opiniões, sendo um campo onde a diversidade se mostra constantemente presente, assim, necessário a atuação dessa autonomia de pensamento. Com isso, a cultura da suspensão fere esse princípio atingindo qualquer um e comprometendo sua imagem social. Portanto, entende-se o quanto esse feito infere nos princípios humanos.
:arrow: Bom desenvolvimento, bem argumentativo e fez bom uso de conectivos. Porém, poderia usar um outro repertório - não obrigatório - mas somente como probabilidade de ser um a mais para ter uma chance-também a mais- de ser produtivo.

Desenvolvimento 2
Em continuidade, o cancelamento virtual pode levar à exclusão social e virtual de um utilizador. De acordo com a parábola de Nietzsche, em que um cordeiro diz a outros “essas aves de rapina são más; e quem for o menos possível ave de rapina, ou antes, o seu oposto, cordeiro – este não deveria ser bom?”. Com base nisso, a lógica do autor é justamente apontar que os cordeiros para se mostrarem bons e corretos tem devem que analisar os erros dos outros e condenar. Logo, refletindo isso com a questão da anulação virtual, entende entende-se que o que motiva as a maioria dos usuários é a condenação e o apontamento dos erros e furos na rede, principalmente de artistas e celebridades. Como consequência, esse ato gera tanto a retirada virtual do navegante, visto que este tem que apagar seus perfis e se afastar o do mundo cibernético, assim como a afastamento social, em razão da má fama que lhe é acometido na sociedade. A partir disso, entende-se o quanto essa costume interfere costuma interferir nas relações sociais e digitais dos sujeitos.
:arrow: Bom desenvolvimento também, mas tome cuidado com a C1!

Desenvolvimento 2
Assim, se faz necessário uma solução para o problema vigente.Em suma, cabe o ao Ministério das Comunicações (agente) promover uma campanha (ação), por meio das mídias sociais e digitais (meio/modo), sobre as consequências negativas da cultura do cancelamento no âmbito tecnológico, com palestras, cursos, e com a presença de convidados e célebres vítimas dessa ação social, no qual contem suas histórias e seus pontos de vista sobre o assunto (detalhamento), com a finalidade de conscientizar a população em razão do referido (efeito/finalidade). Por meio disso, se concretizar concretizará um mundo mais consciente e humanizado, diferentemente do mundo controlador e condenatório do livro “1984”.
:arrow: Sua proposta está completa e bem elaborada!

Seu texto está bom, mas tome cuidado principalmente com a C1. Bons estudos!

A Revolução Industrial ocorreu, inic[…]

Posso sim, SophiaLS ! Pode demorar alguns dias.

Crise hídrica brasileira

Consoante o filósofo iluminista Jean Jacque[…]

Sua nota ficou 360! Espero ter ajudado!

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM