• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#80321
A cantora Beyoncé, em sua música "Pretty Hurts", retrata a realidade dolorosa que meninas e mulheres vivenciam em busca a beleza. De maneira análoga à canção, a sociedade brasileira presencia no século XXI um constante aumento do número de cirurgias plásticas, às quais são submetidos principalmente indivíduos do gênero feminino. Nesse cenário de banalização do sacrifício pela perfeição, atuam a manipulação midiática e a exploração por parte da indústria estética.

Em primeiro plano, é válido destacar que esses procedimentos apresentam altos riscos, e, portanto, não devem ser vistos de forma banal. Todavia, atua sobre o tema a manipulação da mídia, a qual instrui mulheres à insegurança, ao passo que lucra com essa insatisfação. O sociólogo Bauman afirmou: "muita informação não é sinônimo de sabedoria", frase que pode ser relacionada com o impasse, afinal, diversas marcas e influenciadoras digitais incentivam as cirurgias plásticas em suas redes sociais, gerando desinformação com conteúdos muitas vezes mentirosos.

Ademais, é de conhecimento geral que as cirurgias plásticas movimentam muito dinheiro, chegando a custar milhares de reais. Deste modo, as indústrias estéticas manifestam indiferenças para com a saúde das pessoas, e se mostram interessadas apenas no lucro obtido por meio delas. Contudo, como declarado na primeira Lei de Newton, "um corpo em inércia tende a permanecer parado, ao menos que uma força não nula seja aplicada sobre ele." Fora da física, é de suma importância que alguma ação seja exercida para mitigar a problemática da banalização das cirurgias plásticas no Brasil.

Para tal, urge que o Ministério da Saúde, via meios de comunicação como "internet" e televisão, proporcione propagandas a respeito do risco desses procedimentos, a fim de que o panorama triste relatado por Beyoncé não siga ocorrendo fora da arte.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 127

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 133

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 133

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#80686
Introdução:

•No primeiro parágrafo há um erro de português "em busca a beleza"
•Não entendi a parte da banalização do sacrifício pela perfeição,*pode está correto apenas não compreendi o termo "sacrifício"

Desenvolvimentos:

•Muitas das suas citações são coringas como a de Newton e Bauman, mas a citação você tende usar como um exemplo, para mostrar a semelhança, não as use para argumentar ela serve para dá um exemplo, principalmente usar coringas como argumento já que são mais amplas. Use-as no final para encerrar sua argumentação como um exemplo do que você argumentou.
•Senti falta também dá autoria na conclusão de cada parágrafo onde você encerra mostrando sua indignação a respeito do problema

Conclusão:

•Sua conclusão está bastante incompleta, cuidado: (3 linhas não é uma boa conclusão)
Conectivo✅
Contexto❌
Agente☑ (apenas 1 agente com 1 solução para resolver 2 problemas)
Meio/modo☑(não ficou muito evidente o meio a pesar de ser a mídia)
Ação✅
Detalhamento❌
Remeter citação✅

Estou sujeito a erros já que não tenho experiência em correção, mas são alguns pontos que talvez você não tenha notado, sua redação é boa só basta prestar mais atenção na estrutura ❤
#80801
LiedsonLB escreveu:Introdução:

•No primeiro parágrafo há um erro de português "em busca a beleza"
•Não entendi a parte da banalização do sacrifício pela perfeição,*pode está correto apenas não compreendi o termo "sacrifício"

Desenvolvimentos:

•Muitas das suas citações são coringas como a de Newton e Bauman, mas a citação você tende usar como um exemplo, para mostrar a semelhança, não as use para argumentar ela serve para dá um exemplo, principalmente usar coringas como argumento já que são mais amplas. Use-as no final para encerrar sua argumentação como um exemplo do que você argumentou.
•Senti falta também dá autoria na conclusão de cada parágrafo onde você encerra mostrando sua indignação a respeito do problema

Conclusão:

•Sua conclusão está bastante incompleta, cuidado: (3 linhas não é uma boa conclusão)
Conectivo✅
Contexto❌
Agente☑ (apenas 1 agente com 1 solução para resolver 2 problemas)
Meio/modo☑(não ficou muito evidente o meio a pesar de ser a mídia)
Ação✅
Detalhamento❌
Remeter citação✅

Estou sujeito a erros já que não tenho experiência em correção, mas são alguns pontos que talvez você não tenha notado, sua redação é boa só basta prestar mais atenção na estrutura ❤
Obrigada pelas dicas!
#80892
A cantora Beyoncé, em sua música "Pretty Hurts", retrata a realidade dolorosa que meninas e mulheres vivenciam em busca a beleza. De maneira análoga à canção, a sociedade brasileira presencia no século XXI um constante aumento do número de cirurgias plásticas, às quais são submetidos principalmente indivíduos do gênero feminino. Nesse cenário de banalização do sacrifício pela perfeição, atuam a manipulação midiática e a exploração [exploração de quê] por parte da indústria estética. Repertório + Tese apresentada

Em primeiro plano, é válido destacar que esses procedimentos apresentam altos riscos, e, portanto, não devem ser vistos de forma banal. Todavia, atua sobre o tema a manipulação da mídia, a qual instrui mulheres à insegurança, ao passo que lucra com essa insatisfação. [Conectivo?]O sociólogo Bauman afirmou: "muita informação não é sinônimo de sabedoria", frase que pode ser relacionada com o impasse, afinal, diversas marcas e influenciadoras digitais incentivam as cirurgias plásticas em suas redes sociais, gerando desinformação com conteúdos muitas vezes mentirosos.
D1: Tópico Frasal + Repertório + Relação + Consequências + Conclusão


Ademais, é de conhecimento geral que as cirurgias plásticas movimentam muito dinheiro, chegando a custar milhares de reais. Deste modo, as indústrias estéticas manifestam indiferenças para com a saúde das pessoas, e se mostram interessadas apenas no lucro obtido por meio delas. Contudo, como declarado na primeira Lei de Newton, "um corpo em inércia tende a permanecer parado, ao menos que uma força não nula seja aplicada sobre ele." Fora da física, é de suma importância que alguma ação seja exercida para mitigar a problemática da banalização das cirurgias plásticas no Brasil.
D1: Tópico Frasal + Repertório + Relação + Consequências + Conclusão


Faltou reafirmação do problema Para tal, urge que o Ministério da Saúde, via meios de comunicação [vírgula] como "internet" e televisão, proporcione propagandas a respeito do risco desses procedimentos, a fim de que o panorama triste relatado por Beyoncé não siga ocorrendo fora da arte.

faltou fechamento, pós intervenção, do parágrafo.

O quadro “O Grito”, elaborado por Edva[…]

Eryka , Arnaildo ProfaJoelma Profajojo Pro[…]

Não é de hoje que o capitalismo inte[…]

Muito Obrigado

A Constituição Federal de 1988 prev&[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM