• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#77971
O livro " Pai Rico, Pai Pobre", do escritor Robert Kiyosaki, utiliza o termo "Corrida de Ratos" para referir-se ao constante trabalho árduo, praticado pelo medo de não possuir dinheiro ou pelos desejos capitalistas de consumo. Em consonância as linhas escritas pelo autor, ao observar a infeliz realidade brasileira, no que tange à falta de ensinamento financeiro, entende-se a necessidade de sua inserção no ambiente juvenil. Nesse sentido, destaca-se o desconhecimento da temática e o agravamento do problema pela ausência dessa disciplina nas escolas.

Diante disso, a falta de informação sobre a importância de deter uma boa educação financeira torna-se um grande obstáculo à democratização. Nessa conjuntura, sob a ótica do filósofo Antonio Gramsci, o capital cria sobre a sociedade inúmeras ilusões, influenciando o que se almeja. Com isso, mediante a lógica capitalista e sua grande capacidade de persuasão consumista, gerada pelas propagandas midiáticas, percebe-se que métodos inseridos desde a juventude são fundamentais para a formação de um sujeito mais consciente, ao construir seus orçamentos pessoais, no qual desempenhe um bom controle da sua condição financeira. Assim, evitando despesas regulares que impulsionam a vulnerabilidade social e impedem a formação da responsabilidade e da independência juvenil.

Ademais, apesar de ser indispensável a abordagem dessa temática desde muito cedo no ambiente escolar, ainda constata-se uma carência evidente na construção básica do ensino financeiro. Nesse caso, conforme o filósofo grego Aristóteles, a educação é um caminho fundamental para a formação da vida pública e do bem-estar social. Entretanto, devido a Base Nacional Comum Curricular não apresentar uma disciplina específica que aborde o assunto com mais competência aos jovens, os colégios tendem a não desempenharem um caminho condizente que contribua para evolução comportamental destes. Logo, isso dificulta o processo de combate ao endividamento precoce e a desigualdade social.

Portanto, fica exposta a necessidade de medidas para introduzir a educação financeira entre os adolescentes. Destarte, a Secretaria de Educação Básica deve criar projetos nas escolas, mediante profissionais, que desempenhem uma dinâmica com jogos clássicos —como o "Banco Imobiliário", "Monopoly" e o "Jogo da Vida"—referentes ao tema, que atraiam o interesse dos jovens, com o objetivo de levar o conhecimento básico e um debate sobre a importância de possuir uma organização e um planejamento consciente do dinheiro. Assim, evitando o trabalho árduo descrito pelo livro de Kiyosaki.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#77972
Olá galerinha! Tudo bem!? Espero que sim! 😼👍🏼

desculpe o incômodo, mas se conseguirem um tempinho para corrigir minha redação eu ficaria muito agradecida e feliz com sua ajuda. Lembrando que não precisa ser de imediato, faça isso no tempo de vocês. Obrigada desde já e um beijão!

@eurodrigo
@anasilva1
@Willa
@3m1ly
@Anne24
@Gi69
@maiconpgtu
#78009
Olá, Emily. A sua redação está ótima, mas há alguns aspectos que podem ser melhorados. Um ponto, com certeza, é a argumentação. Achei os seus desenvolvimentos muito expositivos e com poucas marcas de opinião, o que, para o ENEM, deixa de ser produtivo a ponto de contemplar 100% a C3. Além disso, encontrei alguns desvios (nada muito grave, mas suficiente para o desconto) e, também, um problema na conclusão: o modo/meio. "Mediante profissionais" é uma maneira extremamente vaga de se informar um método de realização da proposta. Quais profissionais? De qual área? Há algum exemplo? Cuidado com isso, pois incoerências como essa podem te prejudicar na hora H da prova.

No mais, parabéns pelo texto e bons estudos nessa reta final. Um abraço! ;)
#78014
Oiiiii Emilly, aqui está minha correção ❤👾

Introdução
O livro " Pai Rico, Pai Pobre", do escritor Robert Kiyosaki, utiliza o termo "Corrida de Ratos" para referir-se ao constante trabalho árduo, (1) praticado pelo medo de não possuir dinheiro ou pelos desejos capitalistas de consumo. Em consonância as linhas escritas pelo autor, ao observar a infeliz realidade brasileira, no que tange à falta de ensinamento financeiro, entende-se a necessidade de sua inserção no ambiente juvenil. Nesse sentido, destaca-se o desconhecimento da temática e o agravamento do problema pela ausência dessa disciplina nas escolas.

Comentário
(1) - Aqui você está separando sujeito do predicado, porque "o que está sendo praticado?" o "trabalho árduo", caso tivesse uma oração subordinada adverbial a vírgula não teria problema.

Desenvolvimento 01
Diante disso, a falta de informação sobre a importância de deter uma boa educação financeira [vírgula](3) torna-se um grande obstáculo à democratização(2). Nessa conjuntura, sob a ótica do filósofo Antonio Gramsci, o capital cria sobre a sociedade inúmeras ilusões, influenciando o que se almeja(4). Com isso, mediante a lógica capitalista e sua grande capacidade de persuasão consumista, gerada pelas propagandas midiáticas, percebe-se que métodos inseridos desde a juventude são fundamentais para a formação de um sujeito mais consciente(5), ao construir seus orçamentos pessoais, no qual desempenhe um bom controle da sua condição financeira. Assim, evitando despesas regulares(6) que impulsionam a vulnerabilidade social e impedem a formação da responsabilidade e da independência juvenil.

Comentário
(2) - Democratização de quê?
(3) - Aqui eu colocaria uma vírgula, porque na oração anterior já foi dito o problema que vai ser apresentado e o "torna-se" faz uma ligação que fala o efeito desse problema.
(4) - Está uma pouco vago, eu sugiro a seguinte substituição:
"influenciadas por desejos descontrolados de obter bens materiais, para conquistar a felicidade", pois assim irá estabelecer uma relação mais sólida de como as propagandas dizem que não somos felizes por não ter um determinado produto.
(5) - Aqui você fala que o capitalismo manipula o consumidor, assim as pessoas devem ficar mais atentas a essa situação, faz todo o sentido, o que não ficou claro foi dizer no início (tópico-frasal) que falta educação financeira e não explicar porquê não há essa educação, ficou a seguinte pergunta: é culpa das escolas? É culpa do mal planejamento de inserir essa disciplina? É culpa do Ministério da Educação? É de responsabilidade do Governo essa problemática? Desse modo, você tem duas opções para corrigir esse problema:
1. Substitui o tópico-frasal
2. Substitui a explicação da tese
(6) - "irregulares", pois o consumo descontrolado faz adquirir dívidas que não está dentro do orçamento.

Desenvolvimento 02
Ademais, apesar de ser indispensável a abordagem dessa temática desde muito cedo no ambiente escolar, ainda constata-se uma carência evidente na construção básica do ensino financeiro. Nesse caso, conforme o filósofo grego Aristóteles, a educação é um caminho fundamental para a formação da vida pública e do bem-estar social. [Relacionar o repertório com a explicação da tese]Entretanto, devido a Base Nacional Comum Curricular não apresentar uma disciplina específica que aborde o assunto com mais competência aos jovens, os colégios tendem a não desempenharem um caminho condizente(7) que contribua para evolução comportamental destes. Logo, isso dificulta o processo de combate ao endividamento precoce e a desigualdade social.

Comentário
(7) - Especifique.

Conclusão
Portanto, fica exposta a necessidade de medidas para introduzir a educação financeira entre os adolescentes. Destarte, [comando] a Secretaria de Educação Básica (Agente) deve criar projetos nas escolas (Ação), mediante profissionais(8), que desempenhem uma dinâmica com jogos clássicos —como o "Banco Imobiliário", "Monopoly" e o "Jogo da Vida"—referentes ao tema, que atraiam o interesse dos jovens (Detalhamento), com o objetivo de levar o conhecimento básico e um debate sobre a importância de possuir uma organização e um planejamento consciente do dinheiro (Efeito). Assim, evitando o trabalho árduo descrito pelo livro de Kiyosaki.

Comentário
(8) - Profissionais de qual área?

No filme Malala, é retrato à vida da[…]

analfabetismo no Brasil

Oi, Iurymed , tudo certo? bora lá (lembran[…]

Título: Mais problemas O programa mais m&[…]

Jotaveh walace vanussa Isabelaassis

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM